DSC03305
DSC03307
DSC03309
DSC03310

Moura a gostar da sua música e dos seus músicos: Luís Martins

 24 Junho de 2014

A chuva está para lavar e durar, mas agora abrandou até deixar de se ouvir na cobertura do terraço. Sentados num sofá, o Tiago e a Telma avaliam a consistência da trégua, entreolham-se, e decidem arriscar. Esta será a única gravação em casa do próprio cantautor. Chez Luís Martins, com diria Delphine, a sua cara-metade.

A água reluz no chão do terraço e espelha todos os passos dos preparativos, numa corrida contra o tempo: disposição dos microfones, afinação da viola, sound check, captação de fotografias. A trovoada ronda por perto e, já não

Luís Martins – Já houve quem nisso acreditasse

Luís Martins – “Já houve quem nisso acreditasse”
A Música portuguesa a gostar dela própria | PROJECTO 1017
Gravado em Moura, Alentejo, a 24 de Junho de 2014
Realização: Tiago Pereira
Som: Telma Morna

Produção: ADCMoura | Moura a gostar da sua música e dos seus músicos, 23 a 27 de Junho de 2014
Ver Diário da iniciativa.

Luís Martins é também autor da música do Espaço Participativo MOURA CIDADE E TERRITÓRIO.

Gonçalo Lampreia – Sons de Carrilhões

Gonçalo Lampreia – “Sons de Carrilhões” de João Pernambuco
A Música portuguesa a gostar dela própria | PROJECTO 1021
Gravado em Moura no Hotel de Moura, hoteldemoura.com, a 24 de Junho de 2014
Realizaçâo: Tiago Pereira
Som: Telma Morna

Produção: ADCMoura | Moura a gostar da sua música e dos seus músicos, 23 a 27 de Junho de 2014
Ver Diário da iniciativa.

DSC03284
DSC03285
DSC03287
DSC03289
DSC03293

Moura a gostar da sua música e dos seus músicos: Gonçalo Lampreia

24 Junho de 2014

As gravações seguem agora no Hotel de Moura, o caravançarai do Tiago, da Telma e da Rosa por estes dias.

O Gonçalo é o próximo convidado. Vem acompanhado da sua guitarra, que afina com a ajuda do tablet. O pátio, de cal branca e azul ultramarino, é o cenário escolhido para vê-lo dedilhar o primeiro tema, com o à vontade que caracteriza os virtuosos. Não há tempo a perder, porque

Brisas do Guadiana – Pastor Alentejano

Brisas do Guadiana – “Pastor Alentejano”
A Música Portuguesa a gostar dela própria | PROJECTO 1018
Gravado em Moura, Alentejo, a 24 de Junho de 2014
Realização: Tiago Pereira
Som: Telma Morna

Produção: ADC Moura | Moura a gostar da sua música e dos seus músicos, 23-27 Junho

Ver Diário da Iniciativa

DSC03268
DSC03269
DSC03274
DSC03276
DSC03277
DSC03278
DSC03281

Moura a gostar da sua música e dos seus músicos: Brisas do Guadiana

24 de Junho de 2014

Dia de feriado municipal. A manhã conserva ainda a frescura da noite chuvosa. Está uma luz bíblica. Há nuvens bem recortadas e outras que se diluem na aguada do azul do céu. Para acabar de compor o cenário, só falta a geometria e a escala ímpares dos Quartéis. O enquadramento é perfeito para o trabalho do Tiago e da Rosa.

A Joaquina Moreira é a mais velha das “Brisas” e a primeira a aparecer. No entanto, precisará de

DSC03282
DSC03295
DSC03299
DSC03300

Moura a gostar da sua música e dos seus músicos: viola no saco

23 de Junho de 2014

O Tiago Pereira (realização), a Telma Morna (som) e a Rosa Pomar (fotografia) chegam a Moura ao fim da tarde para três dias de gravações da Música Portuguesa a gostar dela própria. Iniciativa que a anfitriã ADCMoura acolhe de braços abertos e a que resolveu chamar, por empréstimo e adequação ao local, Moura a gostar da sua música e dos seus músicos.

Com prenúncio de trovões e chuva tropical no